Foto do dia 12/04: Ed Viggiani/Ímã Foto Galeria.

   Ed Viggiani/Ímã Foto Galeria

O fotógrafo Ed Viggiani visitou os Lençóis Maranhenses em 1988 e em 2001 a fim de realizar esta belíssima documentação das dunas e miragens dos Lençóis que ficam entre os Estados do Maranhão e Piauí.

O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses é uma reserva ecológica brasil…eira criada em 2 de junho de 1981 numa área de 155 mil hectares nas margens do Rio Preguiças, no nordeste do estado do Maranhão e distante cerca de 260 km de São Luís, ocupando uma área total de 270 quilômetros quadrados, com dunas de até 40 metros e lagoas de água doce. O filme Casa de Areia foi gravado dentro do parque.

O acesso é realizado por via terrestre pela BR 135, por via Marítima, entrando no canal do Rio Preguiças em Atins e por via Fluvial, a partir de Barreirinhas, através do Rio Preguiças.

Autodidata, Ed começou no fotojornalismo, em 1978. Passou pelo Jornal O Povo, de Fortaleza (CE), pela revista “Istoé” pelos paulistas Folha de S.Paulo, O Estado de S. Paulo e Jornal do Brasil –todos de São Paulo (SP). Nesse meio tempo, esticava sua visão esquerda à movimentação social no país e no mundo. E foi desse olhar diferenciado que surgiu sua primeira exposição individual: “Matando o Tempo a Golpe de Luz” (1991, Galeria Fotoptica) recebeu o prêmio de melhor do ano pela Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA).

No mesmo ano, ganhou o “The Mother Jones International Fund for Documentary Photography”, em San Francisco (EUA) pelo ensaio fotográfico “Irmãos de Fé”, que retratava a religiosidade popular no Brasil.
Desde então, não parou. Foi para o Masp (Museu de Artes de São Paulo) em 1993 com a mostra “Paris em Preto e Branco” no Museu de Artes de São Paulo (MASP). Foi idealizador e coordenador editorial do livro “Brasil Bom de Bola”. Em 1999, recebeu o prêmio J.P. Morgan de Fotografia com as obras de “O Retrato da TV”, que hoje pertencem ao acervo do MAM (Museu de Arte Moderna de São Paulo).

O futebol também é temática de seu trabalho. Idealizou o livro “Brasil Bom de Bola” em 1988, que foi lançado nas principais capitais do Brasil e no Museu do Louvre, na França, durante a Copa do Mundo. Ed também é autor do livro de fotografia “Brasileiros Futebol Clube”, de 2006, com apresentação de Luis Fernando Veríssimo.

Em outubro do ano passado (2009) realizou a exposição “Meu Olho Esquerdo”, na Caixa Cultural da Sé de São Paulo, que representa o lado “B” do seu trabalho.

Se você quer ver mais fotos desse trabalho do fotógrafo, visite nosso site: http://www.imafotogaleria.com.br/galeria/fotografo.php?cdFotografo=199

Anúncios